Biossimbologia das Cores

Filhotes de ursos pardos possuem uma faixa branca semicircular na região dorsal do pescoço. Essa faixa abranda uma força potencialmente perigosa para o filhote que o urso pardo (pai) poderia exercer na hora de transportá-lo com a boca:  os filhotes, não apenas de ursos pardos, normalmente são mais claros que os adultos. E nesse caso, é um sinal de que é necessário pegar leve com eles.

As cores retratam  interações complexas da natureza por meio de sua biossimbologia. Podem ser utilizadas para a camuflagem ou como indicadores comportamentais. Pode ter função de disfarce, advertência, repulsão ou atração. Todos esses fatores são fundamentais para a sobrevivência da espécie. Preto, normalmente, indica ameaça; branco significa paz; e o vermelho demonstra combate, energia, fogo, entre outros.

A beleza da simbologia das cores na natureza é mais evidenciada entre as aves. Os machos, por exemplo, são bem mais coloridos e vistosos que as fêmeas, na maioria das vezes. Isso porque em boa parte das aves o macho é responsável por atrair  a fêmea para o acasalamento. As cores atraentes do macho também servem para proteger a fêmea e os filhotes de possíveis predadores.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: